Divus le volt! 1 e 2

Trabalhos apresentados na Bienal Internacional de Cerveira-Portugal cujo tema é "As novas cruzadas"

Néle Azevedo

03.2007

Publicado no Catálogo da Bienal Internacional de Vila Nova de Cerveira-Portugal 

Divus le volt! “É a vontade de Deus” Com estas palavras, em 1095, os cavaleiros cruzados iniciaram marcha para a conquista de Jerusalém. Em 25 de março de 2003, o presidente dos EUA George W. Bush em declaração no Pentágono anuncia o orçamento de guerra. Ele diz: May God continue to look out after those who defend the peace and freedom. "que deus continue a proteger aqueles que defendem a paz e a liberdade"

Os dois trabalhos apresentados foram especialmente realizados para a Bienal de Cerveira 2007 dentro do tema proposto. O primeiro painel contém trinta e seis pequenas esculturas em resina acrílica dispostas em forma geométrica com a inscrição em latim: Divus le volt!


O segundo painel é composto por quatro fotografias de esculturas em gelo -
registros de intervenções realizadas nas cidades do Porto-Portugal em 22 de
setembro de 2006 e Braunschweig-Alemanha em 15 de junho de 2006 - e traz inscrição em inglês: May God continue to look out after those who defend the peace and freedom.


Os trabalhos evidenciam a estreita proximidade das ações bélicas e do discurso utilizados nesses dois momentos históricos. Ambos são fundamentados numa polaridade de mundo e justificam atrocidades em nome de Deus. Se nas Cruzadas o mundo é dividido em cristãos e infiéis, temos a partir dos atentados de 11 de setembro de 2001 um mundo dividido entre o eixo do bem e o eixo do mal.